Conheça a Clínica
 
 
 
 
 
 
 

Arts by Naturale

a península

senschualidade

transição para o século XX

van gogh

salvador dali e millet

michelangelo

museus

exercício de criação

frida kahlo e rivera

munch e klint

tarsila di portinari

tempos antigos

conheça a arte

a linha do tempo 1

a linha do tempo 2

museu virtual 1

museu virtual 2

museu virtual 3

museu virtual 4

museu virtual 5
Clique nas imagens para aumentar

 

 

A Linha do Tempo

A Idade Média e O Renascimento

Quando, no século III DC,  Diocleciano dividiu  o Império Romano em Oriental e Ocidental, deu-se  início ao declínio político e artístico da parte ocidental. A queda do Império Romano do Ocidente se aprofundou no século V com com as invasões bárbaras. Enquanto isso florescia no oriente, o Império Bizantino. A arte ocidental só se recuperaria no Renascimento, sob influência do classicismo greco romano, transportado pelos Bizantinos para uma nova era.

 

 

547DC Arte Bizantina

Ravena foi a capital da parte da Península Itálica reconquistada aos Godos pelo império Bizantino. Tem magníficos exemplares da Arte Bizantina, como este mosaico. Mostra um Cristo jovem, pálido, de longas cabeleiras e sem barbas, que fazia parte da imaginação dos primeiros cristãos, oferece a coroa de mártir a San Vitale.

Cúpula da igreja San Vitale Ravena (200kb)

Cúpula da Igreja de San Vitale em Ravena

 

600DC Arte Bizantina

Este Ícone (pintura em painel, que descreve uma imagem religiosa em estilo bizantino), está no Monastério de Santa Catarina de Sinai. Mostra nos rostos a influência Egípcia transportada pelos retratos romanos à pintura bizantina.

Cristo Monastério de Santa Catarina Sinai  (308kb)

Cristo

Monastério de Santa Catarina

Sinai

 

1200DC Arte Românica

O período Clássico foi um apogeu na história da humanidade, o período anterior foi chamado Arcaico. O período Gótico foi imaginado como um novo apogeu na Europa, e o período que o antecedeu, foi chamado Românico, sem que esta palavra tenha qualquer associação com o Império Romano. O Gótico não foi o novo apogeu, o que só veio a ocorrer no Renascimento, mas as expressões se mantiveram.

Deus Arquiteto  (70kb)

Deus Arquiteto

 

1280DC Arte Gótica

Ainda sob influência Bizantina, a pintura gótica começa a tentar a obtenção de perspectiva, o que não ocorria na pintura românica. Começou a buscar o realismo, mas o sentido de proporção ainda é deficiente.

Maestá Cimabue (199kb)

Maestá

Cimabue

 

1304DC Arte Gótica

Giotto foi uma revolução na arte ocidental. As figuras passaram a ter proporção em relação aos edifícios e á paisagem, o que não se observa na Maestá. Ele antecedeu o Renascimento em 100 anos, foi o mestre do período Gótico, mas poderia fazer parte das personalidades criadoras do Renascimento. Esta imagem é um afresco, que se encontra em Pádua.

A deposição de Cristo Giotto (219kb)

A Deposição de Cristo

Giotto

 

1427DC Renascimento

O Renascimento se caracterizou por uma renúncia ao passado recente que foi a Arte Medieval, o Gótico e o Românico. Houve uma volta ao passado Clássico Greco Romano. Artistas, Professores, Cientistas, Filósofos, Arquitetos, Políticos se voltavam para o Humanismo. O Homem passa a ser a figura central. Talvez por isso, esta tela de Masaccio considerado o fundador da pintura Renascentista, mostre, embora em cena Bíblica, o Homem e a Mulher.

Masaccio (57kb)

Masaccio

 

1434DC Arte Gótica

Embora o Renascimento começasse a resplandecer, a pintura Gótica continuou sua evolução, sendo por um momento concomitante ao novo classicismo italiano. A contribuição de Van Eyck, do Norte da Europa, foi o desenvolvimento da tinta à óleo e o apuro técnico que o caracterizou, assim como à Van der Weyden que o seguiu.

O Casal Arnolfini Jan Van Eyck (110kb)

O Casal Arnolfini

Jan Van Eyck

 

1482DC Renascimento

Poesia, música e dança em forma de pintura.

Boticcelli Firenze A Primavera (144kb)

A primavera

Botticelli

 

1490DC Gótico Tardio

Esta pintura fantástica do Gótico Tardio influenciou muitos séculos depois a Pintura Surrealista e a Arte Contemporânea. Este quadro faz parte do acervo permanente do MASP.

santoantao.jpg (89kb)

As Tentações de Santo Antonio

Bosch

 

1508DC Renascimento

A maior representação do homem do Renascimento, Leonardo, gênio,  produziu a perfeição de cores, luzes e sombras, proporções e perspectiva observadas em sua obra.

Leonardo Da Vinci- A virgem dos rochedos (58kb)

A Virgem dos Rochedos

Leonardo da Vinci

 

1510DC Renascimento

Michelangelo existiu para que não houvesse unanimidade em torno do nome de Leonardo da Vinci como o maior nome da pintura universal. Observar os afrescos da Capela Sistina é uma das maiores emoções que as mentes sensíveis podem experimentar. Estas mãos são a coroação de seus estudos anatômicos e representam o ideal na pintura, da escultura Greco Romana.

Michelangelo Capela Sistina (61kb)

A Criação de Adão, detalhe

Michelangelo

 

1490DC A Anunciação

El Greco

Assimilou o Renascimento italiano e a influência Bizantina, com uma técnica própria. As figuras alongadas lhe deram o rótulo de pintor da escola Maneirista. O que impressiona em El Greco é a criatividade, num estilo próprio e arrebatador. Mesmo usando temas religiosos, El Greco demonstra uma grande evolução que vai influenciar a modernidade de Picasso. Esta obra também está no acervo do MASP, um dos melhores museus do mundo.

El Greco A Anunciação (153kb)

A Anunciação

El Greco

 

 

Todas as informações e textos são produzidos sob patrocínio da Clínica Naturale.Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento. copyright © 1998-2009 Clínica Naturale. last actualization: